---

  • ?
  • ?

---

  • ?
  • ?


Ipira tem contas de 2016 aprovadas

Publicado em 06/04/2018 às 17:43 - Atualizado em 06/04/2018 às 17:43

De acordo com as disposições legais, a Administração Municipal de Ipira encaminhou todos os documentos necessários para a prestação de contas do exercício de 2016, ao órgão fiscalizador do Estado. Após análise do Balanço Orçamentário, Balanço Financeiro, Balanço Patrimonial e Demonstração das Variações Patrimoniais, com os resultados gerais do exercício financeiro-orçamentário, o Tribunal de Contas do Estado de Santa Catarina – TCE-SC concedeu parecer favorável à aprovação das contas da Administração do Prefeito Emerson Ari Reichert, relacionadas ao exercício financeiro de 2016.

O Poder Legislativo, por sua vez, em Sessão específica realizada no dia 27.03, por unanimidade manteve o parecer favorável do Tribunal de Contas, ratificando a análise da instituição quanto à aprovação das contas anuais da Administração Municipal de Ipira no exercício de 2016.

Conforme a prestação de contas, a Administração respeitou o limite prudencial máximo que é de 57%, gastando apenas 50,94% com despesas de pessoal.

Com relação a investimentos em Saúde, os números se apresentam muito favoráveis, já que a determinação legal é de que sejam observadas aplicações na ordem de 15% em ações e serviços públicos de saúde, sendo que o percentual aplicado foi de 22,34%, o que representa 7,34% a maior,ou seja, R$ 898.505,41 que a Administração investiu com recursos próprios, buscando cada vez mais melhorar o atendimento e a qualidade de vida da população Ipirense no quesito saúde.

No que tange à educação, a Administração destinou ao setor no período analisado 28,35% do total dos impostos e transferências, enquanto que por lei, seguindo o que rege a Constituição Federal, são exigidos no mínimo 25% de aplicação. Ou seja, em Ipira foram investidos 3,35% a maior com iniciativas educacionais, o que representa R$ 425.952,77, além do limite mínimo.

“Sabemos que pela legislação atual, o TCE tem a atribuição de analisar as contas da Prefeitura quanto aos aspectos técnico, financeiro, patrimonial e contábil, mas a aprovação final é feita pelo Poder Legislativo de Ipira. No entanto, não podemos deixar de citar a importância do parecer favorável dos conselheiros do tribunal, pois é uma ferramenta de base importante para que os vereadores possam deliberar sobre o assunto. Além disso, o parecer favorável do Tribunal de Contas é a conformação da forma séria e comprometida que o trabalho da Administração Municipal está sendo desenvolvida e quanto à correta aplicação dos recursos públicos”, relata o Prefeito Emerson.

Nas demais áreas, com relação a investimentos, a Agricultura, Infraestrutura e Cultura, Turismo, Indústria e Comércio, Esporte, área social e Finanças também apresentaram resultados positivos.