---

  • ?
  • ?

---

  • ?
  • ?


Insulinos recebem acompanhamento dos Profissionais da Saúde de Ipira

Publicado em 18/08/2015 às 09:22 - Atualizado em 18/08/2015 às 09:22

Com a missão de promover e proteger a saúde da população, a Secretaria Municipal de Saúde e Promoção Social de Ipira vem desenvolvendo diversas ações voltadas à melhoria da qualidade de vida da população, principalmente na prevenção.

Observou-se nos últimos anos uma mudança importante no quadro do perfil epidemiológico da população, com o aumento na incidência das doenças crônicas, degenerativas. Entre essas doenças está o diabete mellitus.

No município de Ipira estão atualmente cadastrados no Sistema de Informação de Atenção Básica (SIAB) 852 hipertensos e 123 diabéticos, de um total de 4.675 habitantes o que corresponde a 20,16 % da população.

Diante desses dados, a Secretaria desenvolveu o Programa de acompanhamento e monitoramentos dos portadores de Diabétes Mellitus, usuários de insulina e portadores de diabetes tipo II usuários de medicação oral, a fim de proporcionar uma melhora na qualidade de vida, aliviando os sintomas, prevenindo ou minimizando as complicações agudas e crônicas, estimulando práticas saudáveis e realizando o tratamento de doenças associadas.

De acordo com a Secretária de Saúde, Isabel Cristina Koch, os funcionários da Secretaria realizam um trabalho de qualidade e respeito à população, alcançando bons resultados nas ações, graças à colaboração de todos os Munícipes. 

 Saiba como funciona o Método

 Os pacientes portadores de diabetes mellitus tipo II usuários de medicação oral, recebem a cada 42 dias atendimento de enfermagem na Unidade Básica de Saúde, no Posto de Saúde de Linha Filadélfia e na Unidade de Saúde do Bairro dos Estudantes. Já aos diabéticos usuários de insulina, a Secretaria disponibiliza um aparelho (glicosímetro) e fitas para controle da glicemia capilar.

 Os diabéticos usuários de insulina recebem a cada 60 dias a visita domiciliar dos profissionais da Saúde, na qual realizam a entrega da insulina com avaliação da ficha de controle diário da glicemia capilar e recolhimento do material utilizado durante o mês (agulhas, seringas). Na oportunidade, a consulta de enfermagem e todas as informações coletadas são anotadas no prontuário de cada paciente.